terça-feira, 6 de novembro de 2018

bagunça

líria porto

meu quarto é meu quanto
onde santo e diabo só entram
com a minha permissão

já os anjos (esses capetinhas)
fazem o que querem e conseguem
driblar a vigilância

*

Nenhum comentário:

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog