quinta-feira, 1 de abril de 2010

bambo é que é bom

líria porto

as horas borbulham como a água
para o café

antecipo o aroma o sabor
a bebida estimulante

pensamentos se tornam roliços
como pães de queijo

domingo é dia

*

4 comentários:

Zélia Guardiano disse...

Delícia de poema, Liria! Aqui me chegou o perfume... Você conseguiu inserir todos os componentes que fazem um texto aconchegante, afável, quente... Adorei!!!
Um abraço

Jarbas Martins disse...

façam um poema como líria porto
faz um pão de queijo: breve, gostoso e com promessa de reencontros.
beijos, líria.

Assis Freitas disse...

isso tá cheirando a coisa de mineiro, sô. poesia e prosa. beijo

BAR DO BARDO disse...

água na boca

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog