domingo, 28 de dezembro de 2014

exaustão

líria porto

o corpo pesa igual chumbo
eu quero um canto uma cama
e o mundo acabe
                          em barranco

(a vida é bruta)

*

Nenhum comentário:

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog