terça-feira, 23 de agosto de 2016

o vinho

líria porto

uvas pisoteadas
a cada estouro das cascas
o caldo tinto – tu vinhas
comemorávamos
o pão eu fazia em casa
o amor trazias
do minho

*

2 comentários:

gemau disse...

Que cenário Liria. O Porto, o vinho das vinhas do Minho, o pao o azeite, o queijo da Estrela e um grande amor. Que boas lembranças de Portugal...

líria porto disse...

lembranças ancestrais, meu avô português, morro de vontade conhecer a terra dos antepassados!

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog