domingo, 30 de abril de 2017

historinha infame

líria porto

em miserópolis
república dos sacanas
os sinistros da autoridade postiça
mais a câmara dos putos
auxiliados por togas fardas e jornais
(que papelão)
transformam trabalhadores em escravos
e amásias em damas
recatadas

(o tempo roda ao contrário)

*

Nenhum comentário:

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog