quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

obscuridades

líria porto

em toda família existe
um cadáver no armário
uma história triste
ou escabrosa
guardada a sete chaves

um canalha uma ladra
um assassino
um tio que roubou a mãe
um pai que arrombou a filha
uma traição à pátria

(ninguém é melhor ou pior)

*

Nenhum comentário:

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog