sábado, 14 de novembro de 2015

estopim

líria porto

pariste a treva
e não te atrevas
o corpo inflama
explode assusta
quando muito
espera
;
pimenta no outro
é desespero

*

Nenhum comentário:

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog