segunda-feira, 2 de julho de 2018

romance

líria porto

o amor nos distrai
só vemos o outro –– traímo-nos
dissolvemo-nos ao ponto
de esquecer de nós mesmos
dos nossos anseios
e sonhos
:
deixamos de ser o sujeito
tornamo-nos objeto
utilitário

*

Nenhum comentário:

dedicatória

nus descampados (im)puros
fiamos o plenilúnio

(líria porto)



*















quem tem pena de passarinho
é passarinho

(líria porto)

Arquivo do blog